TopAd-Desk
TopAd-Mob
Início Esporte Dia Nacional do Futebol: Saiba que lesões jogadores estão mais propensos a...

Dia Nacional do Futebol: Saiba que lesões jogadores estão mais propensos a sofrer e como evitá-las

Em 19 de julho comemora-se no Brasil o dia do esporte que é paixão nacional, o futebol. A modalidade move gerações por um bem comum e oportuniza momentos de alegria e euforia tanto para os jogadores, quanto para os torcedores. Mas nem tudo são flores para os profissionais.

Como explica o ortopedista e traumatologista Dr. Guilherme Dalul, passes comuns realizados durante a partida e que são repetidos excessivamente durante os treinos e por anos a fio, movimentos bruscos e pancadas entre adversários podem gerar lesões musculoesqueléticas nos jogadores de futebol. “Se uma lesão não é diagnosticada e tratada, ela pode chegar ao ponto de incapacitar o profissional de continuar a participar dos treinos e jogos”.

Guilherme Dalul, médico ortopedista e traumatologista, especialista em Membros Superiores.
Foto: FVcomunica!

Conforme o médico, as posições de defesa, principalmente os laterais, e também atacantes são as mais afetadas. Isso porque são jogadores de explosão, o que acaba sobrecarregando muito os músculos de contração rápida das pernas. Já os meio-campistas, que necessitam grande preparo físico, estão mais sujeitos a sofrer lesões musculares, como na coxa e na panturrilha.

É fato que no futebol, esporte basicamente jogado com os pés, as lesões mais predominantes nos jogadores são da cintura para baixo, mas os membros superiores do corpo também estão sujeitos a estes problemas. É o caso dos goleiros, principalmente, que geralmente sobrecarregam os ombros por conta dos constantes arremessos e também nos joelhos, devido ao modo como são flexionados. “Os braços podem sofrer bursites (inflamações) por causa dos repetidos lançamentos. Eles também podem sofrer problemas nos tendões dos dedos e pulsos e nos ossos dos punhos, devido aos impactos das bolas e às possíveis quedas”, complementa o Dr. Dalul, que é especialista em Membros Superiores (ombro e cotovelo).

Prevenção

Para você atleta, seja profissional ou amador, o Dr. Guilherme Dalul dá algumas dicas para evitar possíveis lesões:

  • Esteja ciente das condições de campo que podem facilitar as lesões;
  • Utilize uniforme, chuteiras e caneleiras apropriadas;
  • Alongue-se sempre antes de realizar atividades físicas;
  • Ingira a quantidade de água necessária diariamente;
  • Mantenha alimentação balanceada;
  • Caso se afaste por um tempo da modalidade, volte gradativamente o contato com o esporte;
  • Ouça seu corpo! Evite lesões por treino excessivo;
  • Consulte regularmente seu médico ortopedista de confiança.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

SideBarAd-Desk/Mob (custom)

MAIS LIDAS

Cães lambendo gelo em plantas, pomar congelado e registro da neve por drone: veja imagens do frio em SC

O frio intenso em Santa Catarina nos últimos dias rendeu registros inusitados de bonecos de neve e congelamento de plantas, pomares e até de...

Frio intenso vai aumentar peso dos alimentos no bolso, mas energia e combustíveis preocupam mais

Além de fazer os brasileiros tirarem os casacos do armário, a onda de frio que atinge o país também vai obrigar a população a...

Com 500 casos ativos, Chapecó registra novo óbito por Covid-19

No boletim divulgado neste sábado (31), a Administração Municipal de Chapecó confirmou 40.815 casos de coronavírus desde o início da pandemia. Deste número, 39.642...

Iniciam neste domingo as inscrições para a terceira etapa do Festival de Música de Chapecó

Iniciam neste domingo (01) as inscrições para a terceira etapa do Festival de Música de Chapecó (Femucha). Após momentos reservados à música clássica e...
BaseAd-Desk
BaseAd-Mob